fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
assuntos

Organização Pan-Americana de Saúde

30.06.22

“Fundo partidário”

O Brasil já começou perdendo a disputa pela diretoria-geral da Organização Pan-Americana de Saúde. O sanitarista Jarbas Barbosa, candidato ao cargo, está sendo obrigado a custear suas viagens internacionais de campanha. Ao contrário da principal concorrente ao posto, a mexicana Nadine Flora Gasman Zilberman, que tem recebido apoio financeiro e político do governo de seu país.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

Existe, desde já, uma mobilização na comunidade científica brasileira para fazer do ex-presidente da Anvisa Jarbas Barbosa o próximo diretor-geral da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Barbosa tem o apoio da atual titular do cargo, a dominicana Clarisse Etienne, cujo mandato se encerrará em fevereiro do ano que vem. Vai precisar. O mais provável é que o governo Bolsonaro não mova um dedo pela sua candidatura.

Por falar em Anvisa e que tais, o general Paulo Sérgio Sadauskas está cotado para assumir um cargo no Ministério da Saúde. Em 2019, Sadauskas chegou a ser escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para o comando da Anvisa no lugar de Jarbas Barbosa. Posteriormente, em um movimento que nunca ficou bem explicado, o Palácio do Planalto retirou a indicação do militar.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.