fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
27.07.22

Netflix aumenta aposta no Brasil

A Netflix vai intensificar a produção de filmes e séries próprias no Brasil. O mercado brasileiro é visto pelos norte-americanos como vital para compensar as seguidas quedas da base de assinantes em todo o mundo. Somente no segundo trimestre, a plataforma de streaming perdeu quase um milhão de clientes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.04.22

Netflix e Porta dos Fundos no banco dos réus

Segundo o RR apurou, ainda nesta semana, os desembargadores da 6a Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio vão dar seu veredito sobre uma ação polêmica que opõe a Netflix e grupos religiosos: a Corte decidirá se o “Especial de Natal Porta dos Fundos: A Primeira Tentação de Cristo”, será ou não excluído da plataforma de streaming. Cabe lembrar que a 16ª Vara Cível da Capital já deu ganho de causa à Netflix e aos produtores do programa. Ato contínuo, a Associação Centro Dom Bosco de Fé e Cultura entrou com um recurso. Além de requerer a suspensão imediata do conteúdo, a entidade pediu à Justiça que o Porta dos Fundos e a Netflix sejam condenadas a pagar uma indenização de R$ 2 milhões por danos morais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.05.21

Ídolo brasileiro

A Netflix está caprichando nos gastos com publicidade para o lançamento da cinebiografia do ex-jogador Roberto Baggio no Brasil. A plataforma de streaming aposta que o país responderá pela segunda maior audiência da produção, atrás apenas da Itália.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.12.20

“Gripezinha em vertigem”

A cineasta Petra Costa, celebrada por “Democracia em Vertigem”, está em negociações com o Netflix para a distribuição de seu novo documentário, “Dystopia”, sobre a pandemia no Brasil. É garantia de chumbo grosso para cima do presidente Jair Bolsonaro.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.02.19

Narcos à brasileira

A Netflix vai produzir três séries tendo o Brasil como protagonista dos filmes. Uma delas, dividida em três capítulos, focará no surgimento e expansão das principais facções criminosas do país: Primeiro Comando da Capital (PCC), Amigos dos Amigos (ADA) e Comando Vermelho (CV). A série tratará também das 83 facções intermediárias, que agem como subsidiárias das três matriciais.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.12.18

Os mocinhos

A Netflix estaria acelerando o passo para antecipar de maio para abril a estreia da segunda temporada de “O Mecanismo”. O objetivo é não descolar em demasia a atração da posse de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro e cia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.04.18

Mais uma produção para Padilha

A Netflix está dissecando o Brasil. Depois do “Mecanismo”, a próxima atração deverá ser uma série sobre o crime organizado no país. José Padilha é pule de dez para comandar a operação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.11.17

Tributação em série

A “invisibilidade fiscal” do Netflix no Brasil é uma série do passado. Os executivos da empresa no país já colocaram na conta que até o fim de 2018 todas as capitais brasileiras estarão cobrando ISS pelos serviços de streaming. São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife largaram na frente.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

19.06.17

House of Cunha

Prevista para 2018, a série do Netflix sobre a Lava Jato, dirigida por José Padilha, será lançada simultaneamente no Brasil e em mais de 50 países. É Sergio Moro tipo exportação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

24.02.17

Os “Kennedy da Lava Jato”

José Padilha está reescrevendo episódios da série “Lava Jato” para incluir dois personagens fundamentais que passavam quase em branco no roteiro original: o ex-governador Sérgio Cabral e a ex-primeira dama Adriana Ancelmo. A produção da Netflix ainda não tem data de estreia, mas, até lá, é possível que Padilha tenha de adicionar outros nomes que ainda não vieram à tona na trama real.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.