fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
16.07.20

Plano B?

Marta Suplicy não saiu nada animada da reunião com a cúpula do Solidariedade na última sexta-feira. O partido parece mais empenhado em encaixá-la como vice em alguma outra chapa do que em lançar sua candidatura à Prefeitura de São Paulo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.07.20

Voto útil

A candidatura de Marta Suplicy à Prefeitura de São Paulo começa a andar para trás no Solidariedade. Paulinho da Força, um dos líderes do partido, defende o apoio a Marcio França (PSB).

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.10.19

Indesejável Marta

Assim como boa parte da cúpula petista, Gleisi Hoffmann é visceralmente contra o retorno de Marta Suplicy ao partido. Mas, jamais dirá uma vírgula publicamente. Se é o que Lula quer, é o que Gleisi quer.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.08.18

França e Kassab flertam com Marta Suplicy

A promessa de Marta Suplicy de abandonar a vida pública não convenceu seus pares da política. O governador Marcio França e o ministro Gilberto Kassab já procuraram a senadora, abrindo para ela as portas, respectivamente, do PSB e do PSD. Ambos ofereceram a mesma isca: a candidatura à Prefeitura de São Paulo em 2020. Marta, no entanto, ainda não disse nem que sim, nem que não. Desde que deixou o MDB, a ex-prefeita submergiu. Segundo o RR apurou, não respondeu sequer às tentativas de contato feitas por Eduardo Suplicy, que busca o apoio da ex-companheira para a sua candidatura ao Senado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.10.17

Skaf e Marta acertam os ponteiros

O PMDB está aparando suas arestas internas para as eleições em São Paulo. Paulo Skaf, pré-candidato ao governo do estado, fechou um acordo com a senadora Marta Suplicy. Ela terá caminho aberto para disputar a reeleição. O grupo político de Skaf chegou exigir as duas candidaturas do partido ao Senado, para usá-las como moeda de troca em possíveis alianças, notadamente com o PSD, de Gilberto Kassab. Desistiu, após se convencer de que o pleito não foi acolhido por Michel Temer, o fiel da balança peemedebista no estado. Desta vez, Temer preferiu adotar uma postura de neutralidade e não interferir na disputa entre Skaf e Marta, que já foram aliados e hoje apenas se toleram.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.09.16

Fora dos palanques

 Marta Suplicy e Celso Russomano, que disputam a Prefeitura de São Paulo, pediram ao presidente Michel Temer que grave um depoimento para seus respectivos programas eleitorais. Por essas e outras Temer já avisou que se manterá fora dos palanques.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

 Embalado pela absolvição no STF da acusação de peculato, Celso Russomanno retoma a campanha à Prefeitura de São Paulo com uma mudança de estratégia. Tem poupado o prefeito Fernando Haddad de pesadas críticas, de olho no provável segundo turno contra Marta Suplicy ou João Doria.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

• Na cúpula do PSDB e da campanha de João Doria, já se dá como certo que José Serra fará a traição completa. Ou seja: além de costurar, nos bastidores, a chapa Marta Suplicy (PMDB) e Andrea Matarazzo (PSD), subirá no palanque da dupla.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.02.16

Carta de fiança

 Marta Suplicy não tem levado a sério a informação de que Gabriel Chalita ficará no PMDB e fará oposição à sua candidatura. Marta recebeu essa garantia de Michel Temer quando ingressou no partido.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

 Frase de um empresário paulistano ao ouvir da própria Marta Suplicy que Gabriel Chalita seria um ótimo vice para sua chapa. “Ela vai fazer de tudo para seduzir esse rapaz, tirá-lo dos braços do Haddad e depois largá-lo pelo caminho”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.