fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
11.12.18

Leader é um alento para a Abril

O Natal traz um sopro de esperança para os funcionários da Leader Magazine – e, por extensão, para os trabalhadores da Editora Abril. Ao mesmo tempo em que negocia a compra da empresa dos Civita, o investidor Fabio Carvalho mantém tratativas para a venda de até 49% da rede varejista. De acordo com uma fonte próxima a Carvalho, dois fundos de investimento internacionais especializados nos setor de varejo são candidatos ao negócio. Dono do fundo Legion, Carvalho é um especialista em dar sobrevida a empresas desenganadas. Foi assim com outra rede varejista, a Casa & Vídeo, e tem sido assim na Leader, comprada junto ao BTG há dois anos. A gestão de Carvalho está longe de ter resolvido os males da empresa, mesmo com a sua reconhecida capacidade de encostar credores contra a parede e de ceifar lojas e empregos sem piedade. Em recuperação extrajudicial, a Leader carrega uma dívida em torno de R$ 230 milhões. Os prejuízos nos últimos dois anos teriam superado os R$ 800 milhões. Ainda assim, Carvalho chega ao fim do ano com a possibilidade de colocar um sócio dentro da rede varejista e dar mais fôlego à companhia. Serve de alento para a Editora Abril, também à espera de um milagre de Natal.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.10.18

Uma bandeira pela outra

O investidor Fabio Carvalho busca um comprador para a varejista Seller, com 18 lojas em São Paulo e Minas Gerais. Carvalho precisa de munição para se concentrar na recuperação extrajudicial da Leader Magazine, também de sua propriedade, que carrega uma dívida de R$ 220 milhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.09.18

Leader Magazine está sobre o balcão

O empresário Fabio Carvalho quer fechar o ano com um novo investidor no capital da Leader Magazine. O aporte é fundamental para tirar a rede varejista do atoleiro. Em recuperação extrajudicial, a empresa já conseguiu fechar um acordo para a renegociação de uma dívida em torno de R$ 225 milhões. O desafio agora é colocar dinheiro no caixa de uma companhia que gera ebitda negativo atrás de ebitda negativo há mais de três anos. A maior preocupação de Carvalho é evitar que os problemas financeiros da Leader acabem contaminando seu outro negócio no varejo, a Casa e Vídeo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.01.18

Mistérios do BTG Pactual

Dentro do próprio BTG Pactual, circulam informações desencontradas sobre a iminente saída dos sócios Marcelo Kalim, Carlos Fonseca e Leandro Torres. Uma das versões dá conta que os dois primeiros estariam prestes a deixar o banco por conta de desentendimentos com os demais sócios, especialmente no caso de Fonseca. Ex-todo-poderoso da área de private equity, o executivo teria caído em desgraça após os pífi os resultados de investimentos como BR Pharma e Leader Magazine. Há quem diga, no entanto, que o trio manterá um cordão umbilical com o BTG: a nova empresa na área digital que seria montada por  , Fonseca e Torres funcionaria como um apêndice do banco. Isso explicaria, por exemplo, a eventual inexistência de um acordo de não-competição, tão comum nestes casos. Procurado, o BTG nega atritos entre os acionistas. Afirma ainda que Marcelo Kalim “segue como presidente do Conselho de Administração, membro do Grupo de Controle e acionista relevante”. Em relação a Carlos Fonseca e Leandro Torres, nenhuma palavra.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

09.11.17

Leader quer se livrar de herança do BTG

A Leader Magazine planeja se desfazer da bandeira Seller, segundo informações filtradas junto a um dos bancos credores da companhia. Caso se confirme, será a medida mais aguda no processo de recuperação extrajudicial da rede varejista, que envolve a renegociação de R$ 200 milhões em dívidas com fornecedores – o passivo total supera R$ 1 bilhão. As motivações para a operação misturam questões de ordem financeira e estratégica. Além de gerar recursos para o abatimento de sua dívida, a Leader passaria a se concentrar na sua própria bandeira e em sua atuação no Rio de Janeiro. Ao mesmo tempo, se livraria de um problema jurídico. Com 60 lojas em São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul, a Seller é uma das indesejáveis heranças deixadas pelo BTG, que vendeu o controle da Leader para o empresário Fabio Carvalho pelo valor simbólico de R$ 1. Desde os tempos do BTG, a família Furlan, fundadora da Seller, cobra um valor de aproximadamente R$ 30 milhões que não teria sido pago na transferência do controle da bandeira.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

31.08.17

Isolamento

O empresário Fabio Carvalho adoraria encontrar outro “Fabio Carvalho”, ou seja, alguém disposto a comprar a Leader Magazine pelo valor simbólico de R$ 1. Em recuperação extrajudicial, a empresa tem uma dívida de quase R$ 900 milhões. A maior preocupação de Carvalho é evitar que o bolor financeiro da Leader contamine seu outro negócio no varejo, a Casa & Vídeo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.06.17

Caixa vazio

O empresário Fabio Carvalho, que comprou a Leader Magazine do BTG Pactual, tem sido obrigado a colocar dinheiro do bolso para honrar compromissos de curto prazo da rede varejista. Em recuperação extrajudicial, a companhia já renegociou mais de R$ 250 milhões em dívidas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.03.17

O calvário da Leader

Fabio Carvalho, novo dono da Leader Magazine, está penando para obter a adesão de bancos e fornecedores ao plano de recuperação extrajudicial da rede varejista. Até agora, conseguiu renegociar pouco mais de R$ 300 milhões em dívidas. O passivo total da Leader supera R$ 1,1 bilhão.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

02.02.17

Hora da verdade

Maio é o dead line da Leader Magazine, segundo informações filtradas junto à própria empresa. Este é o tempo que Fabio Carvalho, novo controlador da rede varejista, se deu para renegociar as dívidas de R$ 1 bilhão. Caso contrário, a companhia deverá partir para a recuperação judicial. É a herança da gestão BTG, ex-acionista da Leader.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.11.16

Domínio do fato

 Mesmo após a venda da Leader Magazine, a turbulenta passagem pela companhia ainda rende sérios problemas ao BTG. O Banco IBM está entrando na Justiça para cobrar um empréstimo de R$ 65 milhões não honrado pela rede varejista. Alega que o BTG era o controlador da Leader e, em última instância, responsável pelo pagamento do débito.

• Procuradas, as seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: BTG Pactual e Banco IBM.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.