fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
04.05.22

Descarga elétrica

A Auren, a bilionária joint venture entre a Votorantim e a canadense CPPIB, entrou na disputa para a compra de ativos da Ibitu Energia, leia-se o fundo norte-americano Castlelake. Na mira, os complexos eólicos Riachão, no Rio Grande do Norte, e Caldeirão, no Piauí.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.01.22

Alta voltagem

A chinesa SPIC estaria em conversações com o fundo norte-americano Castlelake para a compra da Ibitu Energia. Segundo a mesma fonte, as cifras sobre a mesa giram em torno de US$ 1,3 bilhão. A empresa reúne um colar de ativos em geração eólica e hidrelétrica em seis estados brasileiros.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

07.10.21

Carga extra

A China Three Gorges estaria na disputa pela compra da Ibitu Energia, que engloba um colar de usinas eólicas em seis estados brasileiros. A empresa pertencente à norte-americana Castlelake estaria avaliada em aproximadamente US$ 1,3 bilhão.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.09.21

Bons ventos 1

O RR apurou que a chinesa CGN entrou na disputa pela Ibitu Energia, pertencente à norte- americana Castlelake. Dona de usinas eólicas e hidrelétricas – a maior parte no Nordeste -, a empresa estaria avaliada em cerca de US$ 1,2 bilhão.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.