fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
10.09.19

Eduardo Bolsonaro calça o número certo

Empresários do setor calçadista, como os irmãos Alexandre e Pedro Grendene Bartelle – donos, respectivamente, da Grendene e da Azaleia, têm feito aproximações sucessivas de Eduardo Bolsonaro. Trata-se de um dos setores que mais podem se beneficiar da indicação do deputado para a Embaixada de Washington e de sua proximidade de Donald Trump. No rastro do aumento das tarifas de importação de calçados chineses impostas pelo governo norte-americano, a indústria brasileira exportou para os EUA, em julho, 95% a mais do que em igual período no ano passado. Um novo aperto alfandegário aos produtos chineses seria outro presente dos céus para os exportadores brasileiros.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.03.19

Roleta da fake news

O empresário Pedro Grendene Filho, herdeiro de uma das maiores fabricantes de calçados do país, é vítima de uma fake news de museu. Nos últimos dias, milhares de grupos de WhatsApp têm recebido um vídeo em que Grendene aparece ao lado de amigos festejando a conquista de um prêmio na roleta de um cassino de Punta del Leste. Junto à gravação um texto informa que o empresário embolsou US$ 3,5 milhões na jogatina durante o Carnaval. A notícia é tão fake quanto “old”. O vídeo – de fato protagonizado por Grendene – é de 2017. E, na ocasião, ele embolsou “apenas” US$ 50 mil. Consta que o herdeiro da Grendene já tentou retirar a gravação de redes sociais, sem sucesso.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

13.07.17

Even sofre com encalhe de imóveis

Os acionistas da incorporadora Even, entre eles o empresário Alexandre Grendene, não vão querer saber do mercado carioca por um bom tempo. O Rio tem sido o principal responsável pelo salto no cancelamento de vendas da companhia. Do primeiro para o segundo trimestre, o índice de devolução de imóveis subiu de 16% para 28% – a maior parte por conta de dois empreendimentos no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste. Em tempo: quem deve estar respirando aliviado é o empresário Carlos Terepins, fundador da Even, que, no ano passado, foi “convidado” a deixar o negócio, vendendo sua participação para os atuais acionistas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.12.15

Pés descalços

 A venda da Alpargatas para a J&F pegou a Grendene no contrapé, justo no momento em que a fabricante gaúcha elaborava seu plano estratégico para 2016. “Elaborava”, aliás, não é o termo mais correto. Talvez o melhor seja dizer “esquartejava”. A Grendene reduziu praticamente à metade os investimentos previstos para o próximo ano, inicialmente fixados em R$ 120 milhões. A seguinte empresa não retornou ou não comentou o assunto: Grendene.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.06.15

Tamanho 44

O deputado federal Renato Molling (PP-RS) defende a manutenção da desoneração da folha de pagamento da indústria calçadista e, acima de tudo, a continuidade dos financiamentos privados de campanha. A lista de doadores para a sua eleição parece vitrine de sapataria: tem Arezzo, Beira-Rio, Paquetá, além dos irmãos Pedro e Alexandre Grendene.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.01.15

A Grendene prepara uma oferta primária de ações na Bovespa

A Grendene prepara uma oferta primária de ações na Bovespa equivalente a 5% do seu capital ordinário. Os recursos serão usados em aquisições de concorrentes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.