fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
15.07.20

Salário indireto?

Cálculo de um procurador do Ministério Público: os R$ 8,5 milhões em espécie encontrados em um carro e atribuídos pela Polícia ao ex-secretário de Saúde do Rio Edmar Santos equivalem a uma média de R$ 17 mil para cada um dos 492 dias em que ele ocupou o cargo. Proporcionalmente é mais do que os R$ 51 milhões achados em um apartamento do ex-deputado Geddel Vieira Lima, 30 anos de vida pública.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.10.19

Cizânia entre irmãos

Uma fonte muita próxima ao clã informou ao RR que os irmãos Geddel e Lucio Vieira Lima racharam após a condenação pela 2ª Turma do STF. Lucio quer fazer uma delação; já Geddel mantém-se silente, em lealdade não se sabe muito bem a quem.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.10.19

O biscateiro Geddelv

O presidiário Geddel Vieira Lima vai fazer um curso básico de computação. É mais um aprendizado profissional no currículo do ex-ministro. Desde que foi trancafiado na Papuda, Geddel já teria concluído quatro cursos a distância, entre os quais de eletricista. Cada diploma ajuda a reduzir o tempo total da sua pena.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.03.19

Sempre pode piorar

No mesmo dia da prisão de Michel Temer, circulou entre a cúpula do MDB a informação de que o ex-ministro Geddel Vieira Lima, o homem da mala de R$ 51 milhões, está perto de fechar um acordo de delação premiada.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.02.19

Geddel, um risco a mais para Michel Temer

O juiz Marcelo Rosado, da 5ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, solicitou em caráter de urgência que o ex-ministro Geddel Vieira Lima seja ouvido no dia 15 de março no processo que responde sobre fraude na Caixa Econômica Federal. A Polícia Federal já está, inclusive, elaborando uma operação especial para a condução de Geddel, preso na penitenciária da Papuda desde setembro de 2017. APF trata o ex-ministro, aliado histórico de Michel Temer, como um alvo potencial de ataques e manifestações.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.01.19

O governo Temer ainda não acabou…

Familiares de Geddel Vieira Lima – entre eles sua mãe, Marluce, também denunciada na Lava Jato por suposto crime de lavagem de dinheiro – estariam pressionando o ex-deputado a negociar um acordo de delação premiada. Ou seja: o pedido da PGR Raquel Dodge à Justiça para a condenação de Geddel a 80 anos de prisão já surtiu o primeiro efeito.

O futuro ex-senador Romero Jucá já oficializou aos mais próximos: na semana pós-Carnaval abrirá seu escritório de consultoria parlamentar em Brasília. Isso, claro, se ainda estiver na “pista” até lá.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

14.08.18

Memórias do cárcere

Preso na Papuda, o ex-ministro Geddel Vieira Lima fez chegar ao Palácio do Planalto a informação de que está rascunhando suas memórias. A mensagem, por si só, já significa uma dedicatória ao presidente Michel Temer.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.07.18

Vendendo o que não tem

O clã dos Vieira Lima – leia-se os irmãos Geddel e Lucio – estaria vendendo as fazendas que tem e que não tem na Bahia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.07.18

Cassação de faz de conta

Sob a regência do ministro Carlos Marun, a base aliada do governo no Congresso trabalha para demolir o processo de cassação do deputado Lucio Vieira Lima (MDB-BA), irmão de Geddel Vieira Lima, preso na penitenciária da Papuda.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

14.06.18

Descaso do planalto

A matriarca Marluce Vieira Lima está muito irritada com o descaso do Planalto em relação aos rebentos Geddel e Lucio Vieira Lima. Ré no STF, ameaça abrir sua Caixa de Pandora.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.