fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
22.10.21

Operação Tequilla

A GAP (Grupo Aeroportuario Del Pacífico), que opera 12 aeroportos do México, já fez chegar ao Ministério da Infraestrutura que deve participar da próxima rodada de leilões do setor no Brasil, prevista para o início de 2022. O que se diz nos corredores do Ministério é que o alvo dos mexicanos é o Santos Dumont.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.05.20

Uma no cravo…

A mexicana Grupo Aeroportuario del Pacífico (GAP) manifestou ao Ministério da Infraestrutura interesse em participar da licitação do aeroporto Santos Dumont, a princípio programada para 2021.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

03.01.19

Brasil na moda

A grife GAP aumentou sua aposta no Brasil. Após se instalar no Outlet Premium da Rodovia dos Bandeirantes, em São Paulo, já planeja abrir outra loja de descontos no Rio de Janeiro. Os outlets se juntam aos nove pontos de venda convencionais dos norte- americanos no país.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

30.10.18

GAP sobrevoa o Brasil

A provável licitação de aeroportos no governo Bolsonaro já tem um candidato na sua órbita. A mexicana Grupo Aeroportuario del Pacífico (GAP) vem realizando estudos sobre os terminais que deverão ser privatizados no ano que vem. A prioridade é o aeroporto de Recife. Com 12 concessões no México, a GAP é uma das maiores holdings de infraestrutura aeroportuária na América Latina. No ano passado, chegou a se qualificar para os leilões dos aeroportos de Florianópolis, Porto Alegre, Salvador e Fortaleza, mas não apresentou oferta. De lá para cá, a GAP tem mantido assídua interlocução com o governo, notadamente o ministro Eliseu Padilha. Não deverá tardar a apresentar suas credenciais ao futuro titular da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.