fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
03.04.20

Ford busca outro caminho

Nem Hyundai, nem Caoa e muito menos a chinesa BYD. Todas as negociações para a venda da fábrica da Ford em São Bernardo do Campo, desativada desde outubro do ano passado, foram encerradas. Na atual circunstância, a montadora norte-americana já cogita a hipótese de vender o elefante branco a um fundo do setor imobiliário. Provavelmente a preço de banana.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.02.20

Impasse na Ford

O clima entre a Ford e o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté esquentou. A montadora não está disposta a atender à reivindicação dos sindicalistas, que propõem um PDV no lugar das demissões já programadas para a fábrica da companhia na cidade. Há um ar de vendeta na posição da Ford. No ano passado, a empresa fez um plano de demissão voluntária na unidade, mas o número de adesões não encheu uma caminhonete Ranger, e os custos operacionais permaneceram altíssimos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.01.20

Fábrica sem direção

A Ford ofereceu à Honda a fábrica de São Bernardo do Campo, que está fechada e ameaça virar um elefante branco na fauna industrial do ABC. Pouco provável que os japoneses aceitem, mesmo com um preço baixo. Neste momento, os esforços da montadora estão concentrados em tornar a fábrica de Itirapina (SP) lucrativa. A Honda gastou R$ 1 bilhão no projeto. Apesar das obras serem concluídas em 2016, a fábrica só começou a operar no ano passado por conta da crise econômica.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.08.19

Só falta anúncio no jornal

A Ford jogou a toalha e começou a negociar com empresas e fundos do setor imobiliário a venda do terreno onde funciona sua fábrica de São Bernardo do Campo. A empresa já perdeu as esperanças de vender a unidade para outra montadora. Mesmo com os benefícios do IncentivAuto e a interferência do próprio governador João Doria no assunto, todas as sondagens para a aquisição da fábrica se evaporam no ar feito monóxido de carbono.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

11.07.19

Um interessado a menos na fábrica da Ford

A Foton desistiu da disputa pela compra da fábrica desativada pela Ford em São Bernardo do Campo, informação confirmada pela própria montadora ao RR. Prevaleceu a voz que os chineses sempre ouvem: a do ex-ministro Luis Carlos Mendonça de Barros. Sócio e presidente do Conselho da Foton no Brasil, Mendonça de Barros defende que a companhia mantenha o projeto original de construção da fábrica do Guaíba, no Rio Grande do Sul. O terreno já está comprado e os incentivos fiscais, acordados com o governo gaúcho.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

17.05.19

Demissões em série na Ford

A Ford montou uma linha de produção de demissões voluntárias. Já prepara mais um PDV para a fábrica de Camaçari (BA) no segundo semestre. A se confirmar, será o terceiro do ano. Nesta semana, a empresa abriu mais um plano de desligamento, uma vez que o PDV realizado em abril não atingiu a meta esperada. Procurada, a Ford confirmou o programa de demissões aberto nesta semana, mas não se pronunciou sobre o PDV já previsto para o segundo semestre. De acordo com informações filtradas da própria montadora, o excedente na fábrica de Camaçari seria da ordem de mil empregados.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.04.19

A Ford só encolhe

O chão de fábrica treme na unidade da Ford em Taubaté (SP). Diante da baixa adesão ao PDV aberto no ano passado, os norte-americanos estudam cortes na produção e demissões para o segundo semestre. De acordo com informações filtradas da própria montadora, o excedente na fábrica seria de 500 funcionários. É a linha de corte da guilhotina.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.03.19

Carro difícil de vender

Em busca de um comprador para a fábrica que a Ford vai fechar em São Bernardo do Campo, o “adviser” João Doria já riscou um nome da sua lista. Procurada pelo governo paulista, a Fiat Chrysler já disse “não”. Suas três fábricas no país – duas em Minas Gerais e uma em Pernambuco – são mais do que suficientes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

11.03.19

Atropelamento

Tratando-se da Ford, o pacote de benefícios para a indústria automobilística, anunciado na sexta-feira pelo governador João Doria, parece ter chegado tarde. Além do fechamento da fábrica de São Bernardo do Campo, a companhia estuda desativar sua operação em Taubaté. Ao todo, seriam mais de 4 mil trabalhadores deixados no acostamento. A situação só muda se Doria tiver prometido à montadora novos agrados mais à frente

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.02.19

Cide da discórdia

Grandes grupos econômicos do país estão atentos à pauta do STJ. A Corte deverá julgar nos próximos dias ação movida pela Ford contra a Fazenda questionando a cobrança da Cide sobre remessas ao exterior para pagamento de serviços na área de tecnologia. Uma decisão favorável à montadora certamente estimulará uma nova enxurrada de ações similares. Em setembro de 2016, o STF declarou a constitucionalidade da cobrança, a partir de recurso impetrado pela Scania. Desde então, espocam questionamentos nas esferas administrativa e judicial aos objetos de incidência da Cide nos casos de remessa de recursos para o estrangeiro. No ano passado, o Carf autuou a Petrobras R$ 17 bilhões, parte deste valorreferente ao não recolhimento do tributo para o pagamento de prestadores de serviços no exterior.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.