fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
19.02.21

Eleitorado feminino

A ministra da Família, Damares Alves, está em busca de mais recursos junto ao Ministério da Economia para acelerar a implantação de 25 Casas da Mulher Brasileira em 2021. São centros, notadamente, de atendimento a vítimas de violência doméstica.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

10.02.21

De direta também

A ministra Damares Alves solicitou a seus assessores que façam uma varredura nas redes em busca de fake news relacionadas ao seu nome. Não são poucas. Nos últimos dias, as mídias sociais e WhatsApp foram invadidos por uma falsa matéria na qual Damares teria dito que “transar é de esquerda”.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

26.01.21

Menina do Rio

A ministra Damares Alves foi sondada pelo governador Claudio Castro para mudar seu domicílio eleitoral e disputar a eleição para o Senado pelo Rio em 2022. Seria a candidata da dobradinha Bolsonaro-Castro no estado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

08.01.21

“Desreforma” ministerial

Os generais Braga Netto e Augusto Heleno estão erguendo uma barricada para evitar que o Centrão chegue perto da cadeira de Luiz Eduardo Ramos na Secretaria de Governo. Ramos é bem próximo de Jair Bolsonaro, mas o presidente, como se sabe, é muy amigo.

Damares Alves tem dito a pessoas próximas que poderá assumir uma nova Pasta, resultante da fusão dos Ministérios da Família e da Cidadania. Sentido, não faz nenhum. Que Jair Bolsonaro queira rifar Onyx Lorenzoni, ok. Mas reduzir o número de ministérios no momento em que precisa dar novos cargos ao Centrão, esquece.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.12.20

A derrota de Damares

A exoneração do pastor Ricardo Lopes Dias da Coordenação de Índios Isolados da Funai, anunciada na semana passada, foi uma derrota pessoal de Damares Alves. A ministra não apenas foi a responsável pela indicação de Dias para o cargo como vinha trabalhando para mantê-lo no posto mesmo com a forte pressão da comunidade indígena pela sua demissão.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

05.11.20

Vaticano

De primeira: Damares Alves aguarda o pós-pandemia para solicitar uma audiência com o Papa Francisco. Quer apresentar os resultados dos programas federais de combate à violência contra crianças e adolescentes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.10.20

Auxílio emergencial para a terceira idade

A ministra Damares Alves recorreu diretamente ao presidente do Senado, David Alcolumbre, na tentativa de acelerar a votação do projeto que libera um crédito extraordinário de R$ 160 milhões para a Pasta da Mulher e da Família. O recurso emergencial será destinado a casas de repouso para idosos. Segundo a fonte do RR ouviu da própria Damares, Alcolumbre garantiu que de novembro não passa. A ver.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

21.10.20

Apagando rastros

Damares Alves já recebeu determinação do Palácio do Planalto para afastar os quatro assessores do Ministério da Mulher investigados por realizar transações financeiras suspeitas com o blogueiro Oswaldo Eustáquio. Ele é acusado pelo STF de propagar fake news e de incitar atos anti-democráticos. Ao que parece, Eustáquio poderia se sentir em casa na Pasta. Não custa lembrar que a mulher do blogueiro, Sandra Terena, também tinha um cargo no Ministério de Damares. Foi exonerada no início deste mês.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.10.20

Operação blindagem

A AGU já foi acionada para ajudar na “defesa” da ministra Damares Alves. O TCU investiga possíveis irregularidades na transferência de recursos do Ministério da Mulher e da Família, comandando por Damares, para a Secretaria Nacional da Juventude. O dinheiro foi usado no pagamento de bolsas a funcionários e pessoas vinculadas à Secretaria. As somas são pequenas – em junho, não passaram de R$ 127 mil. O problema é que a CGU teria orientado a ministra a suspender os repasses.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

13.10.20

Help me

A extremista Sara Winter está tentando de todas as maneiras ser recebida pela ex-chefe Damares Alves, com quem trabalhou em 2019. A ministra finge que não é com ela.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.