fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
09.09.21

Terceira chamada?

No fim de semana, circulou entre membros da CPI da Covid a informação de que o empresário Marcos Tolentino tentará adiar, mais uma vez, seu depoimento à Comissão, previsto para o dia 14. Apontado como sócio oculto do FIB Bank, que financiaria a compra da Covaxin, Tolentino valeu-se de um atestado médico para não comparecer à sessão da CPI marcada para a semana passada.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.09.21

Uma no cravo…

Renan Calheiros, relator da CPI da Covid, pretende convocar Fredrick Wassef, advogado da família Bolsonaro. A Comissão apura possíveis ligações entre Wassef e a Precisa Medicamentos, investigada por supostas fraudes na venda da vacina Covaxin. Até agora, no entanto, o placar está Wassef 1 x 0 CPI. O STF suspendeu a quebra de sigilo fiscal do advogado que havia sido determinada pela Comissão Parlamentar.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

20.08.21

A acareação da acareação de Flavio e Ciro

Flavio Bolsonaro vem se vangloriando de ter sido responsável pela CPI da Covid cancelar a acareação entre Onyx Lorenzoni e o deputado Luis Miranda, que denunciou um suposto esquema de propina na compra da vacina Covaxin. O curioso é que o ministro Ciro Nogueira tem dito a mesma coisa. No Palácio do Planalto os dois tentam fazer a cabeça de Jair Bolsonaro quanto à autoria da façanha. Se o presidente tivesse alguma pinta de Rei Salomão, mandava fazer uma acareação entre ambos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

06.08.21

Estratégia diversionista

Ciro Nogueira pretende conduzir o Centrão para atacar pesadamente a Precisa Medicamentos e seu dono, Francisco Maximiano, que atuaram como intermediários nas negociações para a compra da Covaxin. Senadores governistas integrantes da CPI já estão debruçados sobre a enroscada teia de participações acionárias de Maximiano. Ele seria sócio de outras 12 companhias. O Centrão deverá bater na tecla de que é tudo empresa de fachada.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.07.21

Melhor do que a encomenda

Segundo o RR apurou, a Controladoria Geral da União (CGU) vai emitir um parecer com toda a pinta de ter sido feito sob encomenda. A CGU deverá atestar que todo o processo de aquisição de 20 milhões de doses da Covaxin – operação já cancelada pelo governo – se deu de forma regular. Ou seja: o Ministério da Saúde teria cumprido todos os ritos e procedimentos para a contratação do imunizante. Por outro lado, a análise da CGU não entrará no mérito do valor que seria pago pela vacina – e muito menos se houve ou não pagamento de propina.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.06.21

A CPI só quer saber de Covaxin

Omar Aziz deverá adiar a acareação entre a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Francieli Fontana Fantinato, e a infectologista Luana Araújo, marcada para a próxima quinta-feira. Todos os trabalhos da CPI da Covid na semana ficarão concentrados no assunto Covaxin.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.04.21

Efeito Lula?

Após conversar com Vladimir Putin sobre a compra da Sputnik, Jair Bolsonaro deverá ter uma reunião virtual com o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi. Em pauta, a aquisição de um novo lote da Covaxin, além das 20 milhões de doses já encomendadas. Problema: assim como a Sputnik, a Anvisa ainda não aprovou o imunizante indiano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.03.21

Vacina a caminho

Segundo informações filtradas da Pasta da Saúde, o Brasil receberá neste mês quatro milhões das 20 milhões de doses da indiana Covaxin compradas pelo governo.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.