Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
02.07.18
ED. 5900

Curto circuito trabalhista

Nos corredores da Eletrobras corre a informação de uma nova greve logo após a Copa do Mundo – em junho, houve uma paralisação de advertência de 72 horas. O motivo principal é o impasse em torno do dissídio coletivo. Mote da greve anterior, ao que parece a campanha contra a privatização já não é mais tão necessária assim…

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

25.06.18
ED. 5895

Patrocínio chinês

A fabricante de material esportivo chinesa 361o estaria aguardando o fim da Copa para fazer uma oferta de patrocínio à seleção brasileira. Trata-se de um lugar cativo da Nike desde 1996.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.06.18
ED. 5889

Canarinho Pistola

A dois dias da estreia do Brasil da Copa do Mundo, os assessores de Michel Temer ainda discutem o rito a ser seguido pelo presidente no próximo domingo. Há divergências, por exemplo, quanto à conveniência de se produzir imagens de Temer assistindo à partida com a camisa da seleção. Queira-se ou não, “amarelinha” em político virou símbolo de corrupto protestando contra o seu ofício

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.06.18
ED. 5889

O presidente “fantasma” da CBF

A ordem para o staff de comunicação da CBF é “sumir” com o presidente da entidade, Coronel Antônio Nunes, durante a Copa do Mundo. Contatos com a imprensa estão vetados e até mesmo a presença nos locais de treino da seleção será revista. O cartola tem cometido gafes atrás de gafes – a mais notória votar no Marrocos como sede da Copa de 2026, quando a própria CBF apoiava a candidatura conjunta de Estados Unidos, Canadá e México. Entre os demais dirigentes da entidade, já existe, inclusive, um movimento para antecipar a posse do presidente eleito da CBF, Rogerio Caboclo. A sucessão está marcada apenas para abril de 2019. É tempo demais para manter o Coronel Nunes nas sombras.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.06.18
ED. 5886

Brasil e Espanha são as ações em alta na “Bolsa da Rússia”

Os “títulos” do Brasil e da Espanha estão em alta. Circulou ontem no mercado relatório produzido pela LCA Consultores apontando as duas seleções como favoritas para a conquista da Copa do Mundo. De acordo com o estudo, assinado por quatro economistas, o Brasil tem 28,17% de chances de ser campeão, contra 26,98% dos espanhóis. Em terceiro lugar, distante da dupla, surge a Alemanha, com 15,52%. A seleção canarinho tem ainda 61,08% de probabilidades de alcançar as semifinais e 43,81% de chegar à decisão.

Já a Espanha, de acordo com o estudo, tem até mais chances de ficar entre os quatro semifinalistas (63,49%), ainda que uma possibilidade menor de jogar a final (41,92%). Segundo o relatório, Alemanha (52,22%) e França (38,54%) completarão as semifinais. Aviso a Tite: de acordo com a predição, o caminho da seleção brasileira até o título terá México nas oitavas, Bélgica nas quartas, França na semifinal e Espanha na final. Oxalá! Ressalte-se que, em 2014, os oráculos da LCA falharam. O mesmo estudo indicou o Brasil como o mais forte candidato ao título, com 20% de probabilidades.

Ainda assim, justiça seja feita, o trackrecords é positivo. Em 2010, na África do Sul, o relatório cravou a Espanha como a favorita à conquista, o que, de fato, se consumou. E, na última Copa, mesmo errando o campeão, o estudo apontou três dos quatro semifinalistas – Brasil, Alemanha e Argentina. E o 7×1? Essa era absolutamente imprevisível. O modelo desenvolvido pelos economistas da LCA se baseia no vertiginoso cruzamento de dados de uma amostra de cerca de três mil jogos entre seleções desde a Copa de 2014. Em vez do ranking Fifa, o estudo utilizou o “Elo rating”, sistema desenvolvido por um físico de origem húngara para inferir de forma rápida a “habilidade” de jogadores de xadrez. O conceito, segundo os economistas, pode ser aplicado em qualquer jogo de soma zero, caso do futebol.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

04.06.18
ED. 5880

Desimportante

Michel Temer descartou a ideia de viajar à Rússia para a estreia da seleção na Copa. De tão desimportante, a missão de representar o governo cairá no colo do ministro do Esporte, Leandro Cruz.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.05.18
ED. 5877

A Copa de Temer é outra

Em meio à grave crise deflagrada pela paralisação dos caminhoneiros, o Palácio do Planalto se debruça sobre uma questão a esta altura absolutamente prosaica: a presença ou não de Michel  na estreia do Brasil na Copa, no dia 17 de junho, em Rostov. O marqueteiro Elsinho Mouco, que ainda age como se o presidente fosse disputar a eleição, defende sua viagem à Rússia. Eliseu Padilha e Romero Jucá acham a ideia um disparate. E Temer? Como de hábito, o mais provável é que reflita, reflita, reflita e nada decida, o que, neste caso, significará ficar onde está.

Por falar em Copa, as vendas de camisas da seleção brasileira estão acima das projeções da Nike. Até o momento, o total comercializado já equivale ao dobro das vendas acumuladas no fim de maio de 2014. Isso, ressalte-se, em um intervalo menor: a Nike lançou a linha 2018 apenas em março – no Mundial do Brasil, as vendas começaram no início do ano. A essa altura, a julgar pelo panelaço contra Michel Temer no domingo à noite, é possível que as novas camisas tenham outra serventia além da torcida pela seleção.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.11.17
ED. 5753

Amarelinha

Marco Polo Del Nero despachará quase toda a diretoria da CBF para o sorteio dos grupos da Copa do Mundo, no dia 1 de dezembro, em Moscou. Ele mesmo, no entanto, permanecerá no Brasil, longe do alcance do FBI e da Interpol. O
vexame maior está reservado para junho do ano que vem, quando provavelmente pela primeira vez na história o presidente da CBF não acompanhará a seleção numa Copa.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.