fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
17.11.21

Fio condutor

A Actis não pretende tocar sozinha os três projetos de transmissão – um no Espírito Santo e dois no Maranhão – recém-comprados junto à EDP por R$ 1,3 bilhão. A gestora inglesa já procura um sócio para a operação.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.10.21

Carrinho de compras

A gestora Noon, criada a partir da cisão da britânica Actis, busca um comprador para a Companhia Sulamericana de Distribuição (CSD). Trata-se de uma das maiores redes de varejo do Paraná, com cerca de 60 supermercados e faturamento na casa de R$ 3 bilhões/ano.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

10.09.21

Alta voltagem

O RR apurou que a chinesa SPIC mantém conversações com o fundo inglês Actis para a compra da Echoenergia. A empresa, dona de um colar de usinas eólicas no Nordeste, estaria avaliada em cerca de US$ 1,5 bilhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

27.07.21

Echoenergia na mira dos chineses

A gestora inglesa Actis estaria em conversações com grupos chineses para a venda da Echoenergia. Um dos candidatos seria a CGN (China General Nuclear Power Group), que já anunciou investimentos acima de R$ 10 bilhões no país. A Echoenergia controla um dos maiores portfólios de projetos eólicos do Brasil: as usinas já em operação somam mais de 1 gigawatt.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

16.07.21

Pátria sai às compras

O Pátria Investimentos é candidato à compra da participação de 30% da inglesa Actis na Companhia SulAmericana de Distribuição (CSD), rede de supermercados do Paraná. A gestora, ressalte-se, está com o carrinho cheio no varejo: nas últimas semanas, fechou a
aquisição dos supermercados Germânia, de Santa Catarina, e da Tiscoski Distribuidora, no Paraná.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.07.21

Actis freia investimentos no Brasil

A gestora britânica Actis parece estar sofrendo de inapetência em relação ao Brasil. De um lado, colocou à venda a sua fatia de 30% na rede de supermercados paranaense CSD; do outro, busca um comprador para uma parcela ou mesmo toda a sua participação na Echo Energia, dona de usinas eólicas no Nordeste. Não é a primeira vez que os ingleses tentam sair do negócio: no fim de 2019, chegaram a abrir tratativas com potenciais compradores, mas, logo depois, veio a pandemia, e o negócio foi para a gaveta. Pelo jeito, chegou a hora de reabri-la.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

30.10.19

Fio condutor

Um M&A de alta voltagem toma forma no setor elétrico. Informação filtrada junto à gestora inglesa Actis aponta a Brookfield como forte candidata à compra da Echoenergia. Trata-se da empresa de energia renovável controlada pelos britânicos. O negócio pode chegar a R$ 5 bilhões.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

18.12.18

Aposta redobrada

A gestora britânica Actis, que administra US$ 8 bilhões, trabalha na captação de um novo fundo para a América Latina, em 2019. Parte expressiva dos recursos será destinada ao Brasil. Os ingleses também pretendem reinvestir no país o dinheiro arrecadado com a iminente venda da rede de supermercados CSD, no Paraná.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

01.10.18

Rajada de vento

A compra da carteira de projetos eólicos da francesa Voltalia foi só a primeira lufada de vento. O fundo inglês Actis tem cerca de  US$ 1 bilhão reservados para investir em energia renovável no Brasil. Os negócios serão tocados pela controlada Echoenergia. A meta é pular de 500 MW para 1.500 MW de capacidade instalada em dois anos.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

24.08.18

Vento e sol

O fundo inglês Actis, que comprou dois parques eólicos da Casa dos Ventos, planeja investir mais de R$ 2 bilhões em projetos de energia limpa no Brasil. A geração solar também entra nessa conta.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.