O diretor-geral do ONS, Hermes Chipp, está descontrolado. Desde o fim de dezembro, quando Eduardo Braga foi anunciado como novo ministro de Minas e Energia, Chipp tenta agendar uma audiência privada com o ex-governador amazonense. Até o momento, foi solenemente ignorado.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.