14.11.17
ED. 5745

Varig, Varig, Gávea…

Pouco mais de 10 anos após a venda da Varig para a Gol, a marca da mais tradicional companhia aérea do Brasil passou a provocar novo interesse. O Gávea tem assuntado a possibilidade de assumir o brand. O curioso é que a gestora de recursos está negociando a venda da sua participação na Azul, operação que teria alguma sinergia com a marca da Varig. Vai ver o Gávea é só intermediário. Com a iminência da abertura geral do mercado de aviação nacional, pode ser que algum player do setor tenha interesse em uma marca sempre viva na memória nacional.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.