A Queiroz Galvão tem dado a entender que a Itochu, maior debenturista da Saneamento Águas do Brasil, vai converter todos os seus papéis em ações. Com isso, os japoneses ficariam com aproximadamente 30% do braço de saneamento da empreiteira.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.