19.01.18
ED. 5790

Plataforma esquecida

Quase três anos após a Petrobras enviar a plataforma P-67 para a China Offshore Oil Engineering Corporation (COOEC), o equipamento ainda não voltou para o Brasil e sua montagem sequer foi concluída. O cronograma da estatal previa que o FPSO (Floating Production Storage and Off loading) entrasse em operação em 2017. A Petrobras retirou a plataforma do Estaleiro Rio Grande, da Ecovix, em agosto de 2015, quando mais de 90% da montagem já estavam finalizados.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.