fbpx

Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
16.10.20

Área de cobertura

Informação quentíssima apurada pelo RR: a Vivo está embalando um novo pacote de investimentos no Brasil para o biênio 2021-22 que deve chegar aos R$ 20 bilhões. Os espanhóis, assim como seus concorrentes, só pensam em três coisas: 5G, 5G, 5G. Só falta o principal: quando serão os leilões?

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

29.07.20

Tiroteio calibre 4G

Vivo e Claro estão travando uma guerra nos bastidores, com ameaça cruzadas de processos. Ambas se acusam de vender gato por lebre, oferecendo um serviço requentado de 4G como uma prévia do 5G. Já ajudaria muito se a Anatel impedisse as operadoras de batizar produtos com uma frequência sequer licitada.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

28.01.20

Vivo ou morto?

A Vivo prepara mais um Plano de Demissão Voluntária. Voluntária? De tão recorrentes, os PDVs da empresa já viraram compulsórios. Desde 1998, foram 22, um por ano. No mais recente, em 2019, quase 1,5 mil trabalhadores deixaram a empresa.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.08.19

“Vivo finance”

A Vivo vai virar “fintech”. A operadora está desenvolvendo uma nova plataforma de pagamentos eletrônicos via celular. A ideia é montar centenas de parcerias com redes de lojas e sites de e-commerce. O negócio já sairia do chão com um universo potencial de 70 milhões de clientes a ser prospectado – o número de celulares ativos da companhia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

22.07.19

Pacote de dados

A Vivo está dando tratos a bola ao que será seu maior pacote de investimentos em duas décadas de Brasil: cerca de R$ 20 bilhões em 2020, na esteira da iminente entrada no 5G. A cifra, ressalte-se, não inclui a compra das licenças. É tecnologia na veia.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

12.04.19

O Rio derrete

Os espanhóis da Vivo preparam a transferência de áreas da empresa do Rio para São Paulo. A medida envolve, sobretudo, os departamentos comercial e de engenharia. Ganha um colete a prova de balas quem adivinhar o principal motivo para a migração.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

13.08.18

Só falta a Anatel

As operadoras de telefonia aceleram os investimentos para a montagem da sua plataforma 5G no Brasil. A Vivo, por exemplo, está desembolsando mais de R$ 1 bilhão no projeto. Segundo o RR apurou, a companhia quer chegar ao fim de 2019 com capacidade para oferecer a nova tecnologia em quase mil municípios. Tudo muito bom, tudo muito bem, mas o problema é a Anatel: por ora, não há prazo definido para a licitação da faixa de 3,5 GHz, condição sine qua nom para a implantação do 5G.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

10.07.18

Codinome Vivo

A chinesa Vivo, uma das maiores fabricantes de smartphones do mundo e uma das grandes patrocinadoras da Copa do Mundo na Rússia, estaria preparando seu desembarque no Brasil. A operadora brasileira homônima agradece, desde já, pelo marketing gratuito.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

13.04.18

Zuckerberg

A suspeita de que a Vivo vende ilegalmente dados de clientes para fins publicitários abre uma caixinha de Pandora. Trata-se de  um prato cheio para o Ministério Público investigar também o eventual vazamento de mailings e informações de assinantes para campanhas políticas.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

15.02.18

O Rio acabou?

O Carrefour teve de redesenhar sua operação logística no Rio e as rotas percorridas por seus caminhões devido à explosão do roubo de cargas na cidade. Não só: em pouco mais de um ano, seus custos com o seguro de veículos e mercadorias subiram 20%.

A Vivo está transferindo parte de seus executivos para São Paulo. Noves fora questões de ordem estratégica, o remanejamento se deve, sobretudo, ao aumento da criminalidade no Rio. Qualquer dia, a companhia se desliga de vez da cidade.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.