Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
24.07.17
ED. 5667

Paranapanema quer mais (e mais) prazo

A Paranapanema deve, não nega e empurra o pagamento o quanto puder. Negocia com os credores mais um acordo de standstill, que prevê o adiamento temporário da quitação de dívidas. Já foram duas renovações do waiver – o acordo mais recente venceu na última quinta-feira. Na semana passada, a empresa anunciou a venda de 5% do capital para a Glencore mediante um aporte de R$ 66 milhões. Trata-se de um grão de areia se comparado ao passivo total: R$ 2,5 bilhões. Procurada, a Paranapanema não se pronunciou, alegando estar em período de silêncio.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

paranapanema-rr-5636
08.06.17
ED. 5636

Basta de Paranapanema

O anúncio de que a deficitária Previ vai aportar mais recursos na Paranapanema causou revolta entre os beneficiários do fundo de pensão. Entidades representativas dos participantes, com o apoio de integrantes do Conselho Fiscal, pretendem ir à Justiça para impedir a capitalização de até R$ 200 milhões. Já se perdeu a conta de quanto a Previ torrou na Paranapanema.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

23.03.17
ED. 5584

O dia D para a Paranapanema

Entre os minoritários e credores da Paranapanema, cresce a expectativa de que a empresa aproveite a divulgação do balanço de 2016, no próximo dia 29, para anunciar o tão aguardado plano de capitalização. O funil é estreito. Entre as diversas hipóteses estudadas pela companhia, teriam restado duas opções sobre a mesa: uma oferta pública em bolsa ou, o mais provável, um aumento de capital conduzido pelos atuais acionistas.

Neste caso, vai sobrar para quem sempre sobrou: Previ e Petros, os dois mais importantes sócios da empresa, com 36%, além da Caixa Econômica, dona de 17% das ações. Contratada em outubro do ano passado com a missão de reestruturar o capital e o passivo da Paranapanema, a RK Partners, de Ricardo K, ainda não disse ao que veio. Literalmente, a companhia tem empurrado suas dívidas para a frente.

Em setembro, firmou com os credores um acordo de suspensão temporária de dívidas, conhecido com standstill. De lá para cá, já prorrogou o waiver por duas vezes, a mais recente no último dia 9 de março. O novo acordo vai até amanhã e, segundo o RR apurou, a Paranapanema tentará outra renovação. O passivo de curto prazo totaliza aproximadamente R$ 1,2 bilhão. Somente entre o segundo e o terceiro trimestres do ano passado, a relação dívida líquida/Ebitda passou de 2,5 para 3,6 vezes.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

24.02.17
ED. 5568

Palha de aço

O investidor ativista Silvio Tini já teria atingido 8% do capital da Bombril. Com o acionista majoritário Ronaldo Sampaio Ferreira fragilizado pelo alto endividamento da companhia, não demora muito e Tini coloca suas garras de fora e começa a mandar e desmandar no Conselho e na gestão. Vide o histórico do personagem, a começar pela Paranapanema.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

O chinês Clai Fund, que se associou à conterrânea Three Gorges na Geração Paranapanema, vai investir também em logística ferroviária no Brasil. Em parceria com a China Railway, deverá disputar a licitação da Ferrovia de Integração Oeste Leste, um dos projetos do PPI.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

07.10.16
ED. 5471

Paranapanema

 A Paranapanema vai anunciar nos próximos dias uma emissão de debêntures. A medida faz parte do pacote de recapitalização firmado com os credores, que concordaram em suspender, até o fim deste mês, a cobrança antecipada de dívidas em caso de não pagamento dos juros. • A seguintes empresa não retornaram ou não comentaram o assunto: Paranapanema.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.

23.08.16
ED. 5439

Duplo chapéu

A missão do Rothschild na Paranapanema vai além da reestruturação da dívida. O banco está garimpando o mercado internacional em busca de sócios para a companhia. • As seguintes empresas não retornaram ou não comentaram o assunto: Paranapanema.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.