Atenção!

As notícias abaixo são de edições passadas.

Para ter acesso ao nosso conteúdo exclusivo, assine o RR.

planos
assuntos

Abiplast

Relacionados

04.10.17
ED. 5718

“Comendador da Ordem do Plástico”

Procura-se de um lado, procura-se de outro, e não se vê nenhuma pista de eventual articulação para a sucessão na presidência da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast). O atual presidente, José Ricardo Roriz Coelho, que tem mandato garantido até 2019, já afirmou na entidade que sua missão não se conclui antes de 2023. Mas há indícios de que a gestão de Coelho, que começou em 2010, pode ser eterna. A começar pelo apoio dos principais players da indústria do setor, aqueles que mandam na Abiplast. Explica-se tamanho amor: reza a lenda que Coelho, quando estava do lado do produtor, comportava-se como quem vestia o chapéu do consumidor, ou seja, facilitando a vida dos transformadores de termoplástico, associados da Abiplast. Talvez pelo comportamento demasiadamente afável para um negociador, Coelho não tenha deixado boas recordações nas produtoras de resinas petroquímicas. Os Feffer, da antiga Suzano Petroquímica, são um exemplo. O então copresidente da Suzano, João Pinheiro Nogueira – que dividia o comando da empresa com Coelho – teria mordazes histórias para contar. Versão ou fato, a realidade é que José Roriz Coelho é o mais querido personagem da indústria do plástico.

Para poder comentar você precisa estar logado. Clique aqui para entrar.